Notícias

04 Junho

Fantaspoa anuncia vencedores da décima quinta edição

Celebrando sua décima quinta edição, o Fantaspoa trouxe a Porto Alegre o melhor do cinema fantástico mundial entre os dias 16 de maio e 02 de junho de 2019. No total, foram exibidos mais de 100 filmes, com a presença de mais de 100 convidados de diversos países, reunindo alguns dos mais talentosos artistas da indústria cinematográfica.

Segundo os diretores e produtores do evento,  João Fleck e Nicolas Tonsho, esta é a edição de maior sucesso, devido ao alcance de mídia e a presença massiva de público, somando mais de 10.000 participantes no Fantaspoa 2019.

Além das sessões regulares de cinema, o Fantaspoa realizou sessões comentadas, workshops, masterclasses, sessões musicadas ao vivo, festas, confraternizações, FantasMercado e a mostra itinerante em escolas da rede pública de ensino.

Os homenageados desta edição foram o produtor e roteirista Larry Wilson (de “Os Fantasmas Se Divertem”); a atriz sueca Christina Lindberg (do cultuado “Thriller, Um Filme Cruel”); e Roger Corman (maior produtor da história do cinema). 

Os vencedores da edição de número 15 do festival foram anunciados dia 2 de junho, antes da première mundial de “O Medo de Olhar Para Cima” (The FearofLookingUp), dirigida pelo grego Konstantinos Koutsoliotas e uma produção da Melancholy Star e da Fantaspoa Produções.


PREMIADOS DO FANTASPOA 2019
Curta-Metragens (Jurados Ignácio Lopez Vacas e Getro Guimarães)

Menções Honrosas:
O Homem na Caixa, de Ale Borges, AlvaroFurloni, Guilherme Gehr: por explorar a animação em nosso país, que não tem tradição no gênero e alcançar um resultado tão elevado - roteiro desenvolvido e emotivo.
Robot Will ProtectYou, de Nicola Piovesan: pela captura do espírito cyberpunk e seu universo.
Sofía Peres, de Dead Teenager Séance, de Dante Vescio e Rodrigo Gasparini: Melhor Scream Queen.

Prêmios Oficiais
Melhor Curta-Metragem Nacional: Médico de Monstro, de Gustavo Teixeira
Melhor Curta-Metragem Internacional de Animação: Wild Love, de Paul Autric, Quentin Camus, Léa Georges, Maryka Laudet, Zoé Sottiaux, Corentin Yvergniaux
Melhor Curta-Metragem Internacional em Live Action: Tu Último Día En La Tierra, de Marc Martínez Jordán


Mostra Competitiva de Animações - Prêmio da Crítica ACCIRS - Associação de Críticos de cinema do RS (Jurados Bianca de França Zasso e Carlos Thomaz Albornoz)
Melhor Longa-Metragem de Animação: Seder-Masochism, de Nina Paley

Competição Ibero-Americana (Jurados JJ Weber e Drew Thomas)
Menções honrosas:
7 Razões Para Fugir (Da Sociedade), de Esteve Soler, Gerard Quinto, David Torras: melhor trilha sonora
Sou Tóxico, de Pablo Pares: melhor lettering

Prêmios Oficiais
Melhor Ator: Pedro Barão Dias, por Mutant Blast, de Fernando Alle
Melhor Atriz: Gabriela Ramos, por É Você, Papai?, de Rudy Riverón Sánchez
Melhor Roteiro: MutantBlast, de Fernando Alle
Melhor Direção: Daniel de la Vega, por Ponto Morto
Melhor Filme: É Você, Papai?, de Rudy Riverón Sánchez

Competição Internacional (Jurados André Kleinert e Diego Faraone)

Menções honrosas:
Novo Fim, de Leonel Dietsche: Excelência em fotografia
A Voz de Seu Mestre, de GyörgyPálfi: Contribuição artística
Vivos, de Rob Grant: Melhor banho de sangue

Prêmios Oficiais
Melhor Ator: Eugene Simon, por Matem Bem Lyk, de Erwan Marinopoulos
Melhor Atriz: Monique Gabriela Curnen, por Casa Decorada, de Patrick Cunningham
Melhores Efeitos Especiais: O Caçador de Cabeças, de Jordan Downey
Melhor Direção de Arte: Estou Mentindo Agora, de PawelBorowski
Melhor Roteiro: O Portal, de Volodymyr Tykhyy
Melhor Direção: KirillSokolov, por Por Que Você Não Morre?
Melhor Filme: Lobisomem, de Adrian Panek

Júri Popular
Melhor Filme Eleito Pelo Público: Vivos, de Rob Grant

 

Mais notícias