Festival Internacional de Cinema Fantástico de Porto Alegre
     
Convidados »
 
Anderson Faganello - Ator de teatro no Paraná; ator em curtas e longas: Nina (Heitor Dhalia) Corpos celestes (Marcos Jorge), Já estamos todos mortos (Murilo Hauser), Morgue story - Sangue, baiacu e quadrinhos.
Carlos Primati – Colaborador regular de diversos veículos períodicos e livros, escrevendo textos sobre cinema, televisão, música, videogames e quadrinhos.

Carlos Thomaz Albornoz – Colecionador, expert e pesquisador de cinema. Eventual ator.
David Blyth – Renomado diretor neo-zelandês, com extenso currículo. Estará apresentando quatro longas-metragens no Fantaspoa.

Carlos Primati – Colaborador regular de diversos veículos periódicos e livros, escrevendo textos sobre cinema, televisão, música, videogames e quadrinhos.

David Blyth – Renomado diretor neo-zelandês, com extenso currículo. Estará apresentando quatro longas-metragens no Fantaspoa.

Felipe Guerra - Desde 2003, já escreveu mais de 300 artigos, principalmente análises sobre filmes de horror obscuros ou produções baratas, publicados no site Boca do Inferno e no blog Filmes para Doidos, entre outras revistas eletrônicas. Felipe também é produtor, roteirista e diretor de três longa-metragens independentes: "Patricia Gennice" (1998), "Entrei em Pânico ao Saber o que Vocês Fizeram na Sexta-feira 13 do Verão Passado" (2001) e "Canibais & Solidão" (2006).

Fernando Mantelli – Porto-alegrense, publicitário, escritor e cineasta. É professor de roteiro e direção no curso de Realização Audiovisual da Unisinos. Como escritor, publicou dois livros de contos, “Feliz Fim do Mundo” (Prêmio Açorianos 2000) e “Raiva nos Raios do Sol” (2008), além de participar em duas coletâneas de contos fantásticos (Ficção de Polpa 1 & 3). Como cineasta, já dirigiu 14 filmes de curta e média metragem para o cinema e televisão, na sua maioria absoluta do gênero fantástico, entre eles, “Drop out”, “Blecaute”, “As Flores do Mal”, “A Próxima Geração”, “Sintomas”, “O Canibal de Erechim”, “O Desvio”, “Sangue na Lua” e o terror ainda inédito “Quiropterofobia”.

Gustavo Mendoza – Especialista em terror. Se formou na escola de realização cinematográfica de José Martínez Suárez y de Diego Curubeto. Dentro de sua filmografia, dirigiu documentários sobre duas grandres personalidades, o criador de Piriápolis, Francisco Piria, e o artesão do terror, o ator espanhol Narciso Ibañez Menta. Dirigiu diversos curtas metragens. Planeja agora realizar um documentário sobre Chicho Ibáñez Serrador e depois se dedicar a filmes de cinema fantástico.

Hernán Findling – Diretor e produtor expoente do cinema fantástico Argentino. Conta com uma série de longas-metragens em sua carreira.

Leandro Daniel Colombo - Ator de teatro no Paraná, em audiovisual, além de Morgue story, está na série "Som e fúria" (Fernando Meirelles).

Marcelo Severo – Especialista em sci-fi dos anos 50 e 60.

Paulo Biscaia Filho - Graduado em Artes Cênicas pela PUC-PR e Mestre em Artes pela Royal Holloway University of London; professor dos Cursos de Teatro e Cinema da Faculdade de Artes do Paraná; diretor de Morgue Story: Sangue, Baiacu e Quadrinhos.

Rodrigo Aragão – Diretor capixaba. Filho de um ex-mágico que também foi dono de cinema, foi criado ao redor de truques e maquiagens. O estalo de que aquilo poderia ser o seu futuro veio cedo. Aos sete anos viu um documentário sobre O Império Contra-Ataca. Estava lá tudo o que mais gostava: cinema e efeitos especiais, mesmo que não tivesse bem idéia do que significava. Era a década de 1980, quando chega às telas A Morte do Demônio (The Evil Dead, 1981), clássico do terror que terminou por (des)fazer sua cabeça. Maquiagem e truques cênicos nunca tinham sido tão importantes na hora de assustar. Um período fazendo cursos e oficinas lhe deram a sensação de estar pronto. A estréia na direção ocorreu no teatro, com a peça de horror Mausoléu, em cartaz de 2000 a 2003. Daí, partiu para seus próprios projetos, com Chupa Cabras (2004), Peixe Podre (2005), Peixe Podre II (2006), todos curtas, e Mangue Negro, o primeiro longa.

Viviane Follador - Graduada em Rádio e TV pela Universidade Tuiuti do Paraná com pós-graduação em Cinema e Vídeo da Faculdade de Artes do Paraná; participou em mais de vinte filmes e vídeos de curta e média-metragem como diretora de produção, diretora de arte e figurinista.
 
« Voltar
 
Filmes de A-Z
Selecione por sala
Sala PF Gastal Santander Cultural
Norberto Lubisco Cine Bancários
Enviar Email
Produzido por PortoCultura.com.br